O anjo na varanda

Conheça detalhes da produção do mais novo álbum do Tavinho Moura

por Tavinho Moura

Clique aqui para baixar o PDF do RELEASE oficial do álbum O Anjo Na Varanda

Estava combinado, logo começaríamos a gravar Conspiração dos Poetas 2. No repertório, músicas da Fogueira do Divino, do CD Rua do Cachorro Sentado, inéditas de Ó Deus Salve o Oratório mais as letras novas que Fernando Brant foi me passando. Se alguma coisa desse errado seria culpa do duque de Brabant, o monarca da cerveja.

Chiquito Braga, Denise e Beto Lopes vieram à minha casa, fizemos uma noitada musical e Clara Clara Clara ganhou a noite. Liguei, marquei estúdio, começamos o CD. Eu e o Beto, multimúsico, baixo acústico, baixo flats, violão sete cordas, trompete, vocais, aproveitamos as que já estavam nas mãos: O Sono do Rio, Casa de Barro, Encontro das Águas, A Grande Graça, O Fruto do Ouro e Cabaré Mineiro.

A leveza, o tudo sem esforço do Trio Amaranto, do Gabriel "gaita" Grossi e do finório violão de Chiquito Braga doaram belezas a Clara Clara Clara.

Me debrucei sobre a letra de A Música e o Circo, chamei o Beto para parceiro e tive a ideia de não utilizar acordes, somente notas soltas. Nelson Ângelo, no diálogo entre uma nota e outra, foi unificando a harmonia com notas estelares extraídas do piano. Mariana Brant em suavidades reuniu tudo. Canção feita em homenagem ao cineasta Schubert Magalhães que foi trapezista e gostava de narrar o dramático momento do salto, onde a música é quem rege tudo.

O Anjo na Varanda: Na casa Zanine de Vera Brant em Brasília, Fernando Brant, Ronaldo Bastos e eu, por diversas noites, tivemos o prazer de renomadas companhias e fizemos noitadas de música e poesia sob um flamboiã inchado de flores. Em cada noite um pouco da história política e cultural do Brasil nos últimos 40 anos.

Fernando Brant e seu modo menino: eu também conservo o meu e por muitas viagens falamos sobre isso -amizade. Um estando com o outro, mesmo que as distâncias sejam grandes. Acordei às 5:30, peguei o violão. Senti meu amigo sorrir para a canção que nasceu pronta. Ronaldo Bastos fortaleceu, confirmou, sorriu mais alto: Menino Bente Altas.

Dona do Olhar: às vezes saía da gaveta uma letra guardada, já escrita há mais tempo. Cheio de acanhos sacava do bolso o papel dobrado: o que você acha? Estava ali um rio grande, secretas pasárgadas só dele.

Serra da Lua: fui a Roraima procurar aves, conhecer. Queria ver e se possível fotografar a jandaia-sol, urú-do-campo, dançarino-de-coroa-amarela. Os amigos Vivi lngarikó e Estevão Yanomami me levaram até a aldeia Wapichana, no pé da Serra da Lua. Lugar de poder próprio, habitado por gente atrás de fôlego pra viver, com quem se aprende e se supre de tranquilidade e beleza. As músicas que cantam têm a idade do Brasil.

Assisti a várias apresentações de Arena Conta Zumbi e a música Morte de Zambi foi uma inundação, uma emoção que nunca me largou.

O Sono do Rio: em segundos que não se percebe o rio dorme e tudo para: cachoeiras, corredeiras, olhos d'água. Só quem sabe vê a folha, o graveto que cai e não sai do lugar. Nessa hora a água não serve para ser bebida. Quem acorda o rio fica louco.

Encontro das Águas, O Fruto do Ouro, Casa de Barro e A Grande Graça fazem parte do repertório do musical Fogueira do Divino.

Cabaré Mineiro: Tânia Alves... Avana, Estrela do Norte. Tavinho Moura... Ernesto, guerrilheiro e amante ciumento, no filme de Carlos Alberto Prates Correia.

A ideia de repetir no palco o que era feito no quintal deu certo. Paixão e Fé. Cantar, conversar sobre tudo. Nestor Sant'Anna ajudou nos primeiros passos. Depois Conspiração dos Poetas, com Beto Lopes e Mariana Brant, dias e noites foram se abrindo por mais de 20 anos. Assustamos pássaros, inebriamos flores e gente sob o céu de Brasília e até de Paris. Fernando Brant faz soar as palavras que escreve. Possui a chave desse reino e poesia é seu pão. Ronaldo Bastos ditou a nova Conspiração. Eu e Mais Você. A beleza é quem faz acontecer Bárbara Barcelos em Grande Graça, Paulinho Carvalho revisitar Cabaré Mineiro e a guitarra em tudo própria de Wilson Lopes. Vamos todos misturados, alegres como o diabo atravessando em cirandas o sertão. O ANJO NA VARANDA é nossa Conspiração dos Poetas 2.

Leia sobre o show de Lançamento de "O ANJO NA VARANDA" nos principais portais de notícias

Portal Terra | Portal G1 | Portal UAI | Portal BHAZ | Portal O Debate |
Portal Artigos.com Ler matéria do Magazine O Tempo | Jornal Correio Eletrônico | Perfil no Facebook do Pablo Castro

Audiovisual histórico de José Luiz Pederneiras e Tavinho Moura, 'Paixão e Fé' ganha exibição

Leia matéria do Portal Hoje em Dia

Festa do Pequi leva cerca de 10 mil pessoas à Praça da Matriz de Montes Claros

Leia matéria do Portal Rádio Educadora

Tavinho Moura
Sítio Oficial na Internet